Qual a importância da análise de distribuição para as empresas?

A análise de distribuição tem grande valor comercial para empresas dos mais variados setores. Ela permite que o papel de tomar decisões seja realizado com precisão, pois a obtenção de informações é baseada em um padrão pré-estabelecido através da frequência em que determinados dados, acontecimentos ou comportamentos ocorrem, deixando de lado o antigo conceito de intuição pautada apenas na experiência dos gestores.

Todas as futuras operações da empresa podem ser otimizadas por conta da ampla perspectiva que a análise de distribuição oferece. Dentre seus benefícios, estão: 

  • Categorização, armazenamento e processamento de grandes volumes de dados em menos da metade do tempo habitual;
  • Sistemas de análise estruturados em servidores na nuvem, reduzindo drasticamente os custos com TI;
  • Gerenciamento de uma grande variação de informações de forma ágil, organizada e eficiente;
  • Através de softwares de leitura de análise de distribuição, é possível gerenciar suas informações sem necessidade de assistência especializada.

Continue lendo para entender a importância da análise de distribuição para as empresas.

Como funcionam os níveis da análise de distribuição?

A análise de distribuição funciona através de uma série de camadas ou níveis de captação de informações, para que possam ser processadas e um padrão baseado em frequências/tendências possa ser determinado.

Nível 0

Esse é o nível onde a coleta de informações é mais ampla e superficial, sendo normalmente realizada em estações de trabalho e bancos de dados corporativos.

Nível 1

Nesse nível, a coleta de dados é mais dinâmica e direta, consistindo em analisar e relatar. Por exemplo, dentro do cotidiano de uma empresa do setor varejista, quantos produtos X foram vendidos dentro de um do período de um mês? Quantos produtos Y foram vendidos dentro do mesmo período? E quanto ao último semestre? E assim por diante. 

A maior parte da coleta de dados nesse nível pode ser realizada com base nos relatórios do próprio software de gestão comercial e financeira que a empresa utiliza normalmente.

Nível 2

Essa é a parte na qual os gestores compreendem os motivos que estão gerando os números obtidos no nível 1. São levantados dados como as causas e fatores (internos e externos) que estão gerando custos e receita para a empresa e o que tem direcionado seus clientes a comprar mais de um determinado produto e menos de outro produto.

Nível 3

A partir desse ponto, você já possui conhecimento o suficiente a respeito das tendências comportamentais e fatores que têm influência direta nas razões pelas quais os consumidores eventualmente prefiram o seu produto.

Desse modo, você pode reconhecer como a preferência do público muda, mediante interferência de uma série de acontecimentos externos e, assim, tem subsídios para tomar ações que façam com que empresa acompanhe as tendências e se mantenha sempre alinhada aos valores e expectativas do cliente.

Como a análise de distribuição pode beneficiar sua empresa?

Com sua imensa capacidade de projetar informações precisas, apontar padrões e demonstrar, estatisticamente, cada um dos aspectos de um negócio, a análise de distribuição traz diversos benefícios, alguns dos quais destacamos, a seguir.

Aumento da produtividade

Por meio da padronização de processos, é possível reduzir tempo, custos e problemas envolvidos nas operações cotidianas de seu negócio, melhorando, consequentemente, a produtividade de sua empresa.

Conhecimento sobre as preferências de seu público-alvo

A melhor forma de segmentar os produtos de forma a atingir os objetivos e desejos de seu público-alvo é conhecendo a fundo seus hábitos de compra, características e preferências pessoais, entre outros dados demográficos.

Otimização do Retorno sobre Investimento

O ROI — Retorno sobre Investimento — é uma das mais tradicionais métricas utilizadas para identificar a viabilidade de uma determinada operação. Implementando os conceitos da análise de distribuição, é possível otimizar os controles financeiros de sua empresa e aumentar significativamente seu ROI.

Apesar da análise de distribuição ser uma ramificação de estatística, sua implementação no meio empresarial tem apresentado resultados positivos e se tornado uma tendência entre gestores e empreendedores com grande potencial competitivo.

Para saber mais sobre métricas e informações relevantes para o varejo e a melhoria contínua de resultados, siga a ATMA IT no Facebook e acompanhe todos os nossos artigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *