A relação do e-commerce com o Dropshipping

Uma prática que se popularizou na internet nos últimos anos, é o dropshipping. O conceito facilitou a abertura de um e-commerce, porque possibilita a criação de um negócio sem ser necessário um grande investimento inicial. De fato, esta é uma das vantagens de optar pela modalidade de comércio, mas é preciso ter alguns cuidados para garantir boas vendas e manter a reputação da sua marca. 

Acompanhe o post para entender o que, de fato, caracteriza o dropshipping. Neste texto, também explicamos como a prática pode mudar o e-commerce e quais são os cuidados essenciais para quem opta por ser um intermediador de vendas de produtos. Confira: 

O que é o dropshipping 

Dropshipping é uma modalidade de comércio feita pela internet. Nela, uma loja virtual faz a mediação entre a empresa que vende o produto e o cliente final. Sendo assim, o mediador não precisa ter mercadorias em estoque para fazer vendas online. Veja como funciona: 

O lojista escolhe um produto para vender -> faz anúncios do produto em sua loja virtual -> um internauta se interessa pelo produto e conclui a compra -> o lojista compra o produto do seu fornecedor -> o fornecedor envia o produto para a casa do cliente final. 

Ou seja, quando o e-commerce opta pelo dropshipping, a compra do produto só é realizada depois que o cliente finaliza a compra e o pagamento. Além de não precisar ter o produto em estoque, o lojista também não precisa se preocupar com embalagens ou com o envio da mercadoria, uma vez que ela é enviada diretamente do fornecedor para a casa do cliente. 

Como o dropshipping pode mudar o e-commerce

O dropshipping é uma nova forma de fazer comércio eletrônico. Para quem opta pela prática, existem as vantagens citadas no tópico anterior – como a possibilidade de fazer vendas sem precisar de estoque. Isso permite que mais empreendedores comecem um negócio online, o que, na prática, gera um aumento na concorrência. 

Quando há um aumento na concorrência, é preciso investir em estratégias para manter os seus consumidores fidelizados a sua empresa. Ou seja, é necessário oferecer um atendimento ainda mais personalizado, mais velocidade nos processos e qualidade nos serviços prestados. 

O droppshipping também permite que os e-commerces ofereçam mais variedade aos seus clientes e até marcas melhores. O que leva a um aumento nas vendas e no lucro das empresas. Ou seja, o comércio eletrônico cresce ainda mais com o uso da modalidade.  

Cuidados importantes

Existem alguns cuidados essenciais para garantir o sucesso do e-commerce usando o dropshipping. O primeiro deles, é a escolha dos fornecedores: os produtos vendidos devem ter qualidade e a entrega deve ser pontual, por exemplo. É importante lembrar que se o consumidor ficar insatisfeito com o negócio, é a imagem da sua empresa que será prejudicada. 

Outro cuidado fundamental é entender como funcionam as leis de importação e as regras da receita para tributação de produtos importados. Todo o processo deve ser transparente para o cliente – o produto pode ser taxado? Quem paga a conta quando isso acontece?

Além disso, o tempo necessário para entrega do produto também deve estar claro na hora de fechar o negócio – usar um sistema de rastreamento para que o cliente saiba onde está a compra, é um ponto que conta a favor da loja virtual. 

O que você acha desta prática e das mudanças provocadas no e-commerce? Deixe a sua opinião abaixo! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *