O que é line sheet e como utilizá-la no atacado

Você provavelmente já ouviu a expressão “line sheet” e talvez alguém tenha dito que você precisava de uma. Mas o que é line sheet? Como ela pode ser útil no atacado? Em certas indústrias, uma line sheet é fundamental na interação com clientes ou potenciais compradores. Neste artigo, iremos explicar o porquê e também dar alguns motivos pelos quais a ferramenta pode ser bem importante para o seu negócio.

 

O que é line sheet?

Para um cliente, uma line sheet é simplesmente uma página (ou duas) que explica tudo que ele precisa saber sobre fazer um pedido na sua empresa. Em outras palavras, é como um catálogo menor que provê todas as informações necessárias para uma compra. A grande diferença entre line sheet e catálogo é que a primeira é focada em informação prática, sem espaço para descrições longas e layouts muito elaborados.

Você precisa ser simples e profissional e isso significa limitar seu texto e design aos detalhes pertinentes em um processo de compras. Lembre-se sempre de tirar excelentes fotos dos produtos, já que você colocará essas imagens uma ao lado das outras (por isso a peça se chama “line”, em português, linha).

 

Como utilizar uma line sheet no atacado

Mesmo que a line sheet deva ser simples, ainda existe a possibilidade de utilizar criatividade na produção. Se você possui produtos que vendem muito ou novos produtos que deseje promover, é inteligente mostrá-los no topo da lista.

Você também pode customizar a line sheet para cada cliente, tornando a eficácia da ferramenta ainda maior, já que uma lista personalizada funciona bem melhor que uma genérica. Isso não significa, é claro, começar todas as listas do zero, mas sim incluir informações adicionais e pertinentes ao cliente ou reposicionar seus produtos na line sheet de uma forma que se encaixe nas necessidades dele. Assim, você pode criar line sheets com produtos relevantes para alguns consumidores e retirar do catálogo quando não forem.

Essa abordagem detalhada vai tomar um esforço extra, mas certamente ajudará a manter o catálogo objetivo, simples e relevante para cada cliente. Não adianta só organizar os produtos por ordem alfabética, é preciso categorizá-los também. Tudo para criar uma experiência única e positiva no processo de compra dos consumidores.

O que uma line sheet deve ter

Agora que você já sabe a importância dessa ferramenta no processo de vendas de produtos no atacado, precisa conhecer itens fundamentais de uma line sheet eficaz. Caso tenha alguma dúvida sobre colocar ou não determinada informação, coloque-se na pele do cliente. É relevante mostrar o método e prazo de envio dos produtos? Ou mostrar o que acontece caso o cliente desista da compra? Ou queira modificar o pedido? Provavelmente sua resposta é sim. Abaixo, separamos algumas informações que consideramos extremamente importantes na criação de uma line sheet para o atacado. São elas:

 

  • Detalhes de contato (nome, e-mail, endereço, telefone, website);

  • Detalhes dos produtos (foto, preço unitário no atacado, modelos e variações dos produtos);

  • SKU ou número do item;

  • Quantidade mínima para compra;

  • Preço sugerido de cada produto no varejo;

  • Os mais vendidos;

  • Produtos que retornaram a venda por demanda dos consumidores;

  • Condições e termos de pagamento;

  • Método de envio;

  • Prazo de entrega dos pedidos;

  • Política de cancelamento, danos e devolução.

Entendeu o que é line sheet e por que essa ferramenta é tão importante na indústria atacadista? Caso tenha ficado com alguma dúvida, deixe um comentário.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *