5 dicas para melhorar o processo de compra em e-commerce B2B

Investir na mesma forma de navegação de um e-commerce B2C em uma plataforma B2B pode trazer benefícios para sua loja virtual. A familiaridade com a navegação reduz a curva de aprendizado, já que o ambiente é comum e acessível. Isso porque um usuário que compra insumos para uma empresa também compra itens pessoais na internet. No entanto, a platafoma B2B possui diferenças sutis que devem ser integradas na hora de criar uma loja virtual para melhorar o processo de compra de seus clientes.

Em um momento em que 52% dos consumidores B2B esperam que ao menos metade das suas compras seja realizada online em três anos, é preciso investir desde já para que seu e-commerce esteja preparado para o futuro. O número foi divulgado no estudo “Construindo a plataforma de omni-channel B2B do futuro” conduzido pela Forrester Consulting

 

5 dicas para melhorar o processo de compra

Abaixo, elencamos algumas estratégias para acelerar as conversões em um e-commerce B2B, diminuindo a taxa de rejeição e abandono de carrinho. Além disso, você vai melhorar a experiência de compra e navegação de seus clientes, que certamente voltarão ao seu comércio eletrônico para comprar novamente.

 

1. Capriche na apresentação dos produtos

Assim como essa dica é fundamental para o B2C, um bom e-commerce B2B também precisa apresentar seus produtos com detalhes e informações. Claro que no B2B você deve levar em consideração o perfil de quem compra e ponderar o excesso de dados mostrados na tela do computador ou dispositivo móvel. Uma dica é mostrar um catálogo de produtos específico de acordo com o perfil do usuário. Produtos em promoção para um determinado segmento podem ser apresentados com destaque somente para usuários com o perfil de compra relacionado a este item. Outra dica é disponibilizar um espaço para avaliações e resenhas de produtos e serviços, já que 58% dos consumidores B2B espera uma melhoria neste aspecto.

2. Otimize o processo de inclusão de itens no pedido

Diferente do e-commerce B2B, um cliente B2B normalmente conhece bem o produto que irá comprar. Por causa disso, uma página detalhada do produto, com fotos e características específicas, não pode ser uma obrigação no momento de navegar, mas uma opção. Às vezes o usuário pesquisa o produto diretamente pelo seu código, e nem utiliza o nome. Sabendo disso, sua plataforma precisa oferecer a possibilidade de incluir um produto por meio do seu código, mas também a visualização dos produtos em forma de lista. O ideal é oferecer as duas opções para que o usuário escolha, não você. Permita que o usuário inclua o código do produto e a quantidade desejada facilmente e com apenas um clique adicione ao carrinho — tudo na mesma tela. Facilitar a compra online é uma obrigação sua se pretende fornecer o serviço de e-commerce e ver seus clientes satisfeitos.

3. Forneça a opção de salvar pedidos

Se seus clientes fazem pedidos com uma determinada frequência, facilite a próxima compra. Como esta lista de produtos pode ser bem extensa e o usuário vai repetir a mesma compra, dê a opção de finalizar o processo com apenas alguns cliques. Se o usuário pode salvar várias listas de compras (para diferentes setores, por exemplo) e acessar os últimos pedidos facilmente, a chance de abandono de carrinho nas próximas conversões será infinitamente menor do que se ele tivesse que escolher todos os itens novamente.

4. Ofereça benefícios claros

Caso sua empresa ofereça descontos progressivos, condições de pagamento diversas, entrega grátis, entre outros benefícios, precisa deixar essas facilidades evidentes para os usuários. Mesmo que os consumidores de um e-commerce B2B sejam um pouco mais contidos que no caso de um B2C, promoções e condições especiais de pagamento tornam as compras mais vantajosas para eles e por isso acabam aumentando o ticket médio do e-commerce de uma forma geral.

5. Invista em um site rápido, simples e eficiente

Quanto mais simples o processo, mais fácil será para o usuário converter. Por causa disso, fique de olho em métricas como a taxa de abandono de compras. Se estiver muito alto, você deve investigar os motivos. Lembre-se que os consumidores  querem incluir seus pedidos e finalizar o processo com o máximo de rapidez. Invista em ferramentas que auxiliem o processo de compra a se tornar mais eficiente. Quanto menos cliques o usuário precisar dar para efetuar uma compra, mais chances você terá de ver uma conversão. Itens adicionados ao carrinho facilmente, busca otimizada, produtos segmentados por categorias, formulários com informações relevantes apenas, processo de pagamento facilitado, site responsivo, e por aí vai. Para se ter uma ideia de como alguns desses itens são importantes para melhorar o processo de compra, 60% dos consumidores B2B escolheram a funcionalidade de busca melhorada no e-commerce quando questionados a citar as principais atualizações que eles mais gostariam dos fornecedores no processo de venda.

Sabendo disso, tente facilitar a experiência do usuário ao máximo, já que isso gera maior probabilidade da finalização do processo de compra. Você tem alguma dica para melhorar o processo de compra que já tenha utilizado no seu e-commerce B2B? Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *