Oportunidades de marketing para e-commerce B2B

Oportunidades de marketing - Blog Atma IT

Empresas B2B que antes limitavam a variedade de canais e formatos de comunicação com seus clientes e que muitas vezes reduziam todo o marketing à visita de um representante de vendas estão mudando a forma como se mostram para os consumidores. Usando estratégias de marketing, os distribuidores estão reforçando a presença e posicionamento da marca. Fica evidente que o e-commerce B2B abre um leque de oportunidades de marketing que podem ser aproveitadas por sua empresa em favor de bons negócios e de um lucro maior.

Abaixo, separamos algumas oportunidades de marketing que podem ser aplicadas em empresas que apostaram no comércio eletrônico B2B.

 

1. Mantenha uma vitrine permanente

Uma plataforma de e-commerce B2B permite que o distribuidor mantenha uma vitrine online com sua linha de produtos, com imagens, descrições e preços. Com um catálogo facilmente acessível e compartilhável, seus clientes saberão onde ir para encontrar exatamente o que eles precisam. Por isso, capriche nas imagens, ofereça o máximo de dados possíveis de cada produto. Se existem especificações como tamanho, peso, voltagem, potência, ou ainda mais aprofundadas e que são disponibilizadas pelo fabricante, por que não mostrá-las para seus consumidores? Mesmo que eles conheçam o produto e tenham contato com ele fisicamente, ninguém gosta de comprar algo que não conhece direito. Outra questão importante é já oferecer as condições diferenciadas para cada varejista já na página em que ele acessa as mercadorias. Se ele tiver direito a condições especiais, como frete grátis ou desconto, e não ficar sabendo disso, de nada vai adiantar o esforço para reter esses clientes. O resultado de todo esse cuidado? Você poderá construir uma experiência de marca mais positiva e envolvente, facilitando a compra pelos consumidores e oferecendo uma experiência ainda melhor que a compra física, com representantes.

2. Ofereça materiais de treinamento, orientações de merchandising e vídeos promocionais

Seu e-commerce também pode ser um lugar para direcionar seus clientes até outros ativos de marketing complementares, que poderão ajudar nas vendas. Materiais de formação para esclarecer dúvidas sobre produtos, orientações de merchandising, ou mesmo vídeos promocionais que destaquem seus produtos podem complementar a experiência de compra. Outra vantagem é que sua empresa não depende apenas dos representantes como única fonte e canal de construção da marca. Com esses materiais de marketing facilmente acessíveis, a distribuidora atacadista consegue melhorar a experiência de marca e de compra, e não enfrenta a interferência ou ruído de comunicação que um representante pode gerar.

3. Invista em promoções

Provavelmente, o impacto de marketing mais significativo e-commerce B2B são as promoções instantâneas que geram resultados imediatos, ou seja, vendas. Um e-mail marketing com promoção especial pode ser disparado para os clientes de forma segmentada, ou seja, cada grupo recebe uma oferta diferente, de acordo com seu perfil de compra. Esse tipo de e-mail costuma resultar em vendas que não estavam programadas pelo varejista, o que é ótimo para seu e-commerce.

4. Comunique novidades e previews

Feiras não são mais a única forma de mostrar as últimas atualizações de um software ou novos produtos. Com o marketing digital B2B, é possível até mesmo tratar alguns clientes de forma especial, oferecendo acesso antecipado a alguma novidade, por exemplo, como um bônus.

Fica claro que a relação entre fornecedor atacadista e lojista mudou bastante com o tempo. De visitas de representantes esporádicas ao longo do ano para um modelo mais abrangente e consistente de comunicação. Se sua empresa cultivar conexões profundas com seus clientes, baseadas em estratégias de marketing eficazes, é capaz de gerar clientes varejistas defensores da sua marca. E quem não quer um “advogado” de marca que defenda e divulgue sua empresa voluntariamente?

Ficou com alguma dúvida sobre as oportunidades de marketing para e-commerce B2B? Deixa sua pergunta no campo de comentários.