6 dicas para desafogar comercial e marketing com ferramentas inteligentes

6 dicas para desafogar comercial e marketing com ferramentas inteligentes - Blog Atma IT

Um dos benefícios da tecnologia da informação (TI) é deixar os profissionais livres para agir mais estrategicamente, abarcando as atividades táticas, repetitivas e, por vezes, enfadonhas. Quanto mais as ferramentas tecnológicas assumem o trabalho operacional, mais tempo sobra para o planejamento e para as tomadas de decisão.

No mercado atacadista e de distribuição isso se potencializa ainda mais, pois as equipes lidam com grandes operações e precisam de controles mais rígidos de cada processo.

Pensando nisso, preparamos um guia rápido de como desafogar os departamentos de comercial e marketing com ferramentas inteligentes. Acompanhe!

Dicas para desafogar o departamento comercial

1) TI para simplificar processos

Um bom sistema integrado de gestão comercial torna os processos mais enxutos e auto coordenados ao gerar um fluxo lógico de trabalho. Ao contrário do que acontece quando o departamento de vendas trabalha com várias planilhas de Excel que não se integram e precisam ser consolidadas de tempos em tempos – passíveis de erros e retrabalhos -, com um sistema integrado, cada lançamento de dados alimenta todas as áreas e profissionais envolvidos com vendas. Por exemplo, ao inserir um pedido no sistema, o departamento de vendas já informa ao backoffice quais são os dados do cliente para o faturamento e a geração da nota fiscal, automaticamente, o pessoal de finanças têm as informações para a transação bancária e assim por diante.

Cuidado para não tornar os processos mais complexos

Contudo, é comum que grandes softwares de ERP’s sejam implantados sem analisar os processos da empresa. Andes de implementar a solução, é necessário levantar requisitos, entender como as atividades são feitas e planejar a forma como a solução irá alterar a rotina da equipe comercial.

2) Integração do canal de internet com o comercial

Um dos fatores que tornam o departamento comercial lento é a não integração do canal de internet (site corporativo, loja virtual etc.) com a solução de gestão comercial ou CRM. Há ferramentas de automação de vendas que conseguem fazer essa integração, fazendo com que o cliente que entra para comprar ou demonstra interesse em algum produto.  

O site e os outros canais de comunicação da empresa também precisam conter mecanismos de captação de informações dos visitantes, para identificação e qualificação dos leads, com espaços para captação de dados (CTAs) e integração com a ferramenta de e-mail marketing e CRM.

3) Politicas comerciais claras

Esta é uma dica de gestão. É muito comum os distribuidores deixarem a margem “aberta”. O melhor é ter políticas de preço bem claras. Produto “moving box”, por exemplo, devem possuir preços segmentados por clientes.

Do contrário, os vendedores ficam sem saber exatamente até onde podem negociar, o que pode gerar perda de tempo e insatisfação do cliente.

Dicas para o marketing na área de distribuição

1) Analisar ROI das campanhas

É comum o disparo em massa de campanhas para diversos fabricantes, porém algumas vezes o acompanhamento disto é deixado apenas no fator faturamento. Por isso é importante utilizar ferramentas de e-mail marketing, para poder acompanhar a efetividade das ações e mensurar os resultados com mais facilidade. O ROI, retorno sobre o investimento, deve ser medido periodicamente, deve fazer parte da rotina da equipe marketing.

2) Utilizar ferramentas de BI

Os sistemas de BI são softwares com arquitetura inteligente, que permitem análise de dados e a geração relatórios gerenciais que apoiam a tomada de decisão. Com eles para mensurar e atingir metas.

Com eles, é possível fazer análise do comportamento de compras dos clientes num determinado período de tempo, dentre outras aplicações.

3) Otimizar a captação de leads através de ferramentas inteligentes

Os leads são os potenciais clientes que podem vir através dos diversos canais de vendas e comunicação do distribuidor. São clientes que se encaixam no público-alvo e, portanto, poderão comprar em algum momento.

Quando um potencial cliente entra no site para pesquisar sobre os produtos ou serviço, ele deixa rastros (cadastro para receber notificações e newsletters, contato com dúvidas etc.). Uma boa ferramenta de marketing online, deve ajudar a identificar e captar os leads, para que a equipe possa direcionar melhor as ações de marketing e, no momento certo, fazer uma abordagem mais voltada para o fechamento da venda.

Você gostou destas dicas? Deixe um comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *