Pare de gerenciar sua empresa com Excel

pare-de-gerenciar -sua-empresa-com-excel

No Brasil, a maior parte das organizações que já usam BI está na categoria das grandes empresas. Mesmo que o conceito esteja se provando cada dia mais eficaz, as pequenas e médias empresas ainda resistem à implantação — por falta de conhecimento, por motivos financeiros ou por credibilidade da ferramenta. No segmento atacadista distribuidor não seria diferente.

O BI, ou inteligência de negócios, usa diversas fontes de informação para ajudar na definição de estratégias de competitividade diante do mercado. Muitas vezes, um dado que parece não estar relacionado com outro podem revelar um padrão ao serem justapostos. A conclusão que a mineração e análise de dados que sua empresa, os concorrentes e os consumidores geram é a grande benefício do BI.

Cada organização deve definir seus indicadores, sejam eles de maximização de lucro, otimização de processos ou outros quaisquer, para a tomada de decisões, que devem estar alinhados às estratégias da organização. Com uma área de BI dentro da sua empresa, é possível prever o comportamento de perfis, como de cliente, produto e período. A partir disso, o profissional pode captar informações importantes para todas as áreas da empresa — desde a área financeira até a de marketing e design. Abaixo, elencamos alguns dos motivos e características que levam o BI a aumentar diferenciais competitivos, gerar inteligência de mercado e ajudar na tomada de decisão assertiva.

Benefícios do BI para uma empresa

  • Agilidade e assertividade na tomada de decisão

  • Maior capacidade de identificar novos cenários potenciais de negócio

  • Registro do histórico consolidado dos negócios da empresa

  • Mapeamento de erros anteriores e análises preditivas de situações de mercado

  • Melhor gerenciamento de recursos operacionais

  • Redução de custos com softwares

  • Redução de custos na avaliação de projetos

  • ROI (Retorno sobre investimento) maior

  • Maior controle e menos dados incorretos

  • Mais segurança da informação

  • Alinhamento de informações estratégicas e operacionais

  • Facilidade de controle de acesso e definição de níveis de gerência

  • Informação consistente e centralizada

  • Baixo custo para implantação

Por fim, todos esses benefícios acabam resultando em uma vantagem competitiva maior do que as empresas que não possuem uma área de BI ou que não utilizam a inteligência de mercado em todo o seu potencial. Um exemplo de empresa que pode se destacar em um mercado altamente competitivo é no segmento de e-commerce. Com o uso de BI em um site de comércio eletrônico, a empresa pode conhecer os hábitos dos usuários e consumidores e com isso tomar a decisão do que oferecer, de como ofertar e até quanto cobrar por um determinado produto ou serviço. Nesse caso, conhecer e estudar os outros e-commerces, além de monitorá-los constantemente, será o diferencial da marca. Com a implantação de um relatório analítico de acessos e de comportamento, apoiado em uma solução de BI, a empresa consegue saber quem está do outro lado da tela e quais são os desejos de compra deste usuário.

BI versus Excel

Um dos maiores desafios que sustentam o medo de mudar para um software de BI é o apego das empresas às planilhas de Excel. Para muitos usuários, planilhas fornecer toda a capacidade de BI que precisam. É claro que as planilhas têm seu valor e também podem ser usadas juntamente a aplicações BI, mas depender apenas delas pode tornar o processo de análise de dados muito lento, principalmente quando o número de informações que precisam ser estudadas é muito grande. O Excel, ao contrário de um software BI, peca nos quesitos velocidade, capacidade de armazenamento, não volatilidade e alta precisão de dados. As planilhas não possuem recursos adequados para a entrega rápida das respostas. O programa também se limitada na quantia de registros e dados que podem ser alterados, na padronização dos dados e na precisão. Em um cenário atacadista distribuidor que exige mobilidade, velocidade e dinamismo, depender apenas da planilha de Excel para análise de dados pode ser um grande erro.

O ganho de vantagem competitiva com base no conhecimento (do comportamento do consumidor, dos processos operacionais e também do desempenho financeiro da empresa) é, provavelmente, o que as organizações mais buscam com a implantação de BI.

Sua empresa também busca inteligência de mercado? Quais foram as principais dificuldades encontradas? Relate sua experiência na área de comentários do blog.